photo 14237633_722014941270403_5199988319593368344_n_zpssnop4jmm.jpg

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

O fim do ano se aproxima e o mercado de consumo fica movimentado, são festas de encerramento no trabalho, troca de presente entre amigos e familiares. Contudo, na hora de presentear é preciso ficar atento para não haver complicações durante a compra ou em uma possível troca. O ato da pesquisa de preços e o momento da compra são os passos decisivos para uma compra consciente. Todos gostam de presentear e receber presentes, ainda, cresce a procura em gêneros alimentícios apara jantares e comemorações, para evitar problemas futuros o PROCON disponibiliza algumas dicas aos consumidores:
COMPRAS NA INTERNET
Compre apenas nos sites que disponibilizam o número do CNPJ, telefone e endereço físico, pois assim você estará resguardado no caso de haver algum problema com o produto. Fique atento também se o site é conhecido, se possui reclamações em outros sites e qual a política de sigilo de seus dados. Procure salvar no seu computador ou imprima a tela do site (“print”) com a oferta e o prazo de entrega do produto de entrega do produto, bem como a tela de confirmação de compra, pois assim será possível demonstrar qualquer diferença entre os preços e as condições de oferta.
DIREITO DE ARREPENDIMENTO
Nas compras feitas pelo telefone, internet, catálogo ou no domicílio do consumidor, este tem até 7 (sete) dias após o recebimento do produto para desistir da compra. O direito de arrependimento vale para qualquer produto ou serviço e não é necessário que haja defeito ou justificativa do arrependimento. Os custos da remessa (devolução) devem ser arcados pela empresa e você consumidor tem direito de receber tudo o que pagou.
PRAZO DE TROCA
Apesar de ser uma prática comum no mercado, adotada pela grande maioria dos lojistas, os fornecedores não são obrigados a trocar produtos sem defeito, apenas porque o consumidor não gostou da cor, do modelo ou do tamanho. Nesses casos, o prazo de troca será sempre aquele estabelecido pelo próprio fornecedor. Orienta-se que o consumidor sempre pergunte ao vendedor se há prazo de troca para o produto que pretende comprar.  Da mesma maneira, os produtos em promoção (sem defeito) também seguem a política de troca estabelecida pelo fornecedor, ou seja, a troca é opção do lojista, mas deve ser sempre informada ao cliente. A nota fiscal é a prova das condições da compra. Exija sempre. Ela será muito importante nos casos de troca ou conserto do produto. Bem como o comprovante de “Ordem de serviço” que firma a data em que o produto foi para a assistência técnica.
E SE O PRODUTO VEIO COM DEFEITO?
Em um primeiro momento o consumidor pode exigir o envio do produto para assistência técnica. Caso não seja solucionado o problema no prazo legal de 30 dias, o consumidor poderá:
a) exigir um produto igual novo; b) cancelar a compra e receber seu dinheiro de volta ou; c) pedir um abatimento no preço e ficar com o produto imperfeito.
Em alguns casos, o consumidor poderá exigir diretamente a troca do produto por um novo ou o dinheiro de volta sem esperar pelo conserto. Isso ocorre com os produtos essenciais e também com aqueles que não podem ser consertados; quando o defeito é de quantidade, o consumidor também pode pedir imediatamente a entrega da parte que falta ou seu dinheiro de volta.


Foto e link total de:http://www.santiago.rs.gov.br/noticia/3314/02-12-2016/procon-orienta-dicas-para-nao-se-dar-mal-nas-compras-de-natal
Reações:
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

SIGA-NOS AQUI EM E-MAIL ADDRESS

1º TOP 10 DA NOVA! 2º TOP 10 DA NOVA! 3º TOP 10 DA NOVA! 4º TOP 10 DA NOVA! 5º TOP 10 DA NOVA! 6º TOP 10 DA NOVA! 7º TOP 10 DA NOVA! 8º TOP 10 DA NOVA! 9º TOP 10 DA NOVA! 10º TOP 10 DA NOVA!

MAIS LIDAS DA NOVA99FM

EQUIPE NOVA99FM
 photo anigif_zpstmf9c7vr.gif